sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Intolerância: o reverso do progresso espiritual

Quando falo em intolerância sempre tenho um aperto inexplicável no peito. Sempre acreditei que somos ligados por um forte laço,o da Criação.
Mesmo estando no século XXI,dizendo ser mais evoluído,o ser humano ainda insiste em continuar a ser intolerante religiosamente,socialmente,etc.
A intolerância é um dos maiores pecados que o homem pode possuir,ela nasce da ignorância,da falta de conhecimento e pré-julgamento. E lembre-se ser alguém ignorante é um absurdo em plena era da comunicação.
Deus,até os dias de hoje,conforme as Sagradas Escrituras,não julgou seus filhos pelos seus pecados mais íntimos, Ele apenas os amou de tal maneira que nos presenteou uma partícula de Seu ser para que possamos viver.
Também é de entendimento alheio que Ele nos permitiu viver em livre arbítrio, então com esse conjunto de ideias pergunto: por que ainda nos preocupar julgando,desrespeitando a crença do próximo? Penso que tudo que for feito para aquilo que acreditamos faz bem,desde que se respeite o outro.
Mokiti Okada,o chamado Meishu-Sama,certa vez disse:"Religiões egocêntricas, fechadas, que não mantêm relações com outras e que se isolam socialmente, também não são dignas de confiança." - trecho do ensinamento Bom Senso.
Não é muito difícil encontrar religiões que se consideram as mais milagrosas,aquela com o Poder de Deus e que todas as outras estão "erradas" em suas doutrinas. São religiões fechadas que apenas aparentam ser aquilo que não são.
É muito fácil julgarmos pessoas pelas suas crenças. Vamos ver o exemplo do grupo de pessoas queimadas vivas neste ano. Coisas desse tipo ainda escandalizam as pessoas,mal sabem alguns que esse tipo de coisa pode ser mais comum do que se parece. No Brasil essa prática não é vista religiosamente,porém a intolerância invade a cada momento a vida dos brasileiros. As religiões que se consideram corretas são as que mais crescem neste país. Não porque são corretas de verdade,mas porque abusam da fé das pessoas que realmente precisam de buscar algo. E é de fácil acesso,afinal,qualquer boteco que se fecha,uma nova igreja é aberta. Isso se chama COMERCIALIZAÇÃO DA FÉ EM DEUS.
Caríssimos,nunca ocultei que sou uma pessoa Espiritualista,e está sendo cada vez mais difícil conviver com cães raivosos,loucos para que eu me converta e me torne como eles. A cada dia um número absurdo de pessoas se deixam levar e jogam o bom senso pela janela.
Se Deus é bondoso e não nos julga,por que os outros nos julgam?
Será que são apenas os outros? Já avaliamos se somos intolerantes?
Queridos amigos,tudo o que disse é fácil de compreender,mas devemos avaliar o que há em nosso interior,se estamos julgando,sendo intolerantes. Seja em qual sentido for.
Lembremos de um ensinamento precioso de Jesus:"Amai-vos uns aos outros como a ti mesmo."
Se somos intolerantes,como podemos nos amar? Se eu não amo meu próximo,consequentemente deixei de amar a mim mesmo.
Vamos pensar nisso,meus amigos,e que possamos mudar para melhor,pois Deus é maior que qualquer coisa,e ele não se importa com o que você seja,desde que você respeite os outros,pois todos nós somos filhos dele,e uma partícula Dele reina dentro de nós.
Correspondente Barra Mansa RJ
Artigos Ecumênicos